A palavra de Deus sempre é relevante para um cristão atento. Veja,

“Eis que eu vos envio como ovelhas para o meio de lobos; sede, portanto, prudentes como as serpentes e símplices como as pombas”

Mateus 10.16

Deus tinha chamado seus discípulos, e nessa hora estava dando instruções aos discípulos. Entre as instruções tinha essa: “Sede simples como as pombas, mas sagazes como as serpentes”.

Quando nós entramos na jornada cristã é certo que seremos pisados pelo mundo, desprezados e perseguidos, por isso Jesus nos instrui constantemente a sermos simples. Basta observarmos as pombas. Dizem até mesmo que a pomba representa a paz, porque se a observarmos ela é mesmo. Não se intromete, busca sempre pacificar o ambiente, não se ensoberbece.

A imagem da serpente é também interessante, porque ela não toma decisões precipitadas. Ela é vagarosa, por isso se alguma presa escapar não consegue ir atrás, porque rasteja. Então precisa dar o bote sem ser percebida. Por isso podemos dizer que a serpente tem que ser esperta e eficiente.

Os cristãos deveriam ser assim também na hora de pregar o evangelho. Pacíficos como as pombas, buscando sempre a paz e a reconciliação do homem com Deus. E eficientes como as serpentes. Pregando o evangelho na hora certa, buscando levar o conhecimento de Deus para a sua geração, através do seu testemunho. Ensinando, mas também vivendo o que ensina. Amém? 😇🙏