Todos nós sabemos que os progressistas dominaram vários setores do poder público brasileiro. E com o poder judiciário não é diferente. Há algum tempo vemos algumas decisões estranhas do Supremo Tribunal Federal, prendendo patriotas que criticavam os ministros, investigando canais e contas de apoiadores do governo Bolsonaro, defendendo criminosos, soltando condenados.

Hoje, não foi diferente, o que aconteceu é que várias contas do Twitter de pessoas que criticam os ministros foram censuradas, e defendem o Governo, foram bloqueadas. Contas como da Sara Winter, Alan dos Santos, Roberto Jefferson, Bernardo Küster, Edson Salomão, entre outros.

Essa medida tem a intenção de intimidar os outros apoiadores do presidente. Não houve em toda a história do Brasil momento que se compare a este. Os progressistas dominam todos os espaços do poder, e não existe raça mais anti-democrática, mais ditadora, do que estes progressistas quando tomam o poder.

Ou fazemos alguma coisa agora, ou viveremos em um país ditatorial (se é que já não estamos vivendo). Ainda dá tempo.