Olá, queridões e queridonas, tudo bem com vocês?

Na era clássica, tivemos um autor chamado Homero, na Grécia, que escreveu A Odisseia, e A Ilíada. Depois disso, e até hoje essas obras são copiadas por outros autores, seja na estética, seja na temática. E esse resgate dos valores clássicos grecos chamamos de resnascimento. O primeiro grande renascimento foi o que acobteceu em roma, na época do império romano, quando Virgílio escreveu a Eneida, com base nos princípios homéricos.

O segundo grande renascimento aconteceu na Europa, primeiro na Itália, depois se espalhou por todo o continente. O que nos interessa aqui é renascimento português, também chamado Classicismo. O principal autor desta época foi Luís Vaz de Camões, que escreveu Os lusíadas. Vamos ler a primeira estrofe de Lusíadas,

As armas e os barões assinalados
Que, da ocidental praia lusitana,
Por mares nunca de antes navegados
Passaram ainda além da Taprobana,
Em perigos e guerras esforçados,
Mais do que prometia a força humana,
E entre gente remota edificaram
Novo reino, que tanto sublimaram (…)
Cessem do sábio Grego e do Troiano
As navegações grandes que fizeram;
Cale-se de Alexandro e de Trajano
A fama das vitórias que tiveram;
Que eu canto o peito ilustre Lusitano,
A quem Neptuno e Marte obedeceram:
Cesse tudo o que a Musa antígua canta,
Que outro valor mais alto se alevanta.
— Os Lusíadas
CARACTERÍSTICAS DO CLASSICISMO

  • Valorização do racional
  • Equilíbrio poético
  • Exaltação do homem
  • Nacionalismo